Sábado, 25 Outubro 2014 05:43:44

Das represas até as torneiras: Saiba qual o trajeto da água até chegar a sua casa

Você já parou pra pensar de onde vem a água que sai da sua torneira? Se ela pode ser ingerida tranquilamente ou não? Já teve curiosidade de saber por quais processos e por que caminho percorreu até chegar a sua casa?

Pois é, essa é uma questão de interesse publico que é deixada de lado por muitas pessoas que fazem uso diário desta agua, sem ao menos saber de onde vem.

“A importância do monitoramento da qualidade da água foca diretamente a saúde pública, pois, tendo sob controle da empresa todas as etapas, desde a captação da água, nos processos de tratamento, nos reservatórios e nas residências, a Sabesp garante a qualidade do produto que é oferecido ao cliente”, afirma Fátima Ferraza Bragante, gerente da Divisão de Controle Sanitário Oeste da Sabesp.

Na Região Metropolitana de São Paulo, o sistema de abastecimento é integrado: Oito complexos são responsáveis pela produção de 67 mil litros de água por segundo, para atender 33 municípios atendidos pela Sabesp e outros 6 que compram água por atacado (Santo André, São Caetano do Sul, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Diadema e Mauá).

A Sabesp assumiu os serviços de água e esgotos no município de Cotia em abril de 1980. Hoje em dia, a cidade de Cotia recebe água diretamente de três sistemas Alto Cotia, Guarapiranga e Jardim Japão.

O complexo “Alto Cotia”, responsável por abastecer parte da população de Cotia,  conta com uma produção de 1,2 mil litros de água por segundo.A água potável que abastece uma parcela da cidade vem da represa Pedro Beicht, localizada em Cotia, formada pelos rios Capivari e Cotia do Peixe.

A captação da agua é feita na represa da Graça e transportada para a Estação de Tratamento que fica no Morro Grande, também em Cotia.

Já o processo de tratamento da água, que acontece no Morro Grande, é dividido em 3 fases onde em cada uma delas existe um rígido controle de dosagem de produtos químicos e acompanhamento dos padrões de qualidade.

Dentre as fases, podemos citar a filtração, onde um tanque formado por pedras, areia e carvão antracito, é responsável por reter a sujeira que restou dasfasesanteriores, e o processo de desinfecção, onde acontece a última adição de cloro no líquido antes de sua saída da Estação de Tratamento, garantindo que a água fornecida chegue isenta de bactérias e vírus até a casa do consumidor.

Antes de chegar a nossas casas, a água ainda passa por um ultimo processo para reforçar as análises feitas previamente, a degustação. Depois das inspeções de rotina nos laboratórios, técnicos da Sabesp utilizam como ferramentas o olfato e o paladar para controlar o gosto e o odor da água.

Depois de tratada, a água é armazenada em reservatórios de distribuição para, depois, ser levada até os reservatórios de bairros, estrategicamente localizados. De lá, a água segue por tubulações maiores (adutoras) e entra nas redes de distribuição até chegar ao consumidor final.

Pronto, agora você já sabe de onde vem a água que abastece sua casa, e quais os processos e caminhos que ela percorre até chegar a você. E já que a escassez da água é cada vez mais nítida, seja consciente, economize.

Por Pedro Lobo Vianna

 

Edição do mês

Vídeos

Trânsito

Veja em tempo real o trânsito na Raposo Tavares

- KM 12,5
- KM 17
- KM 20
- KM 21

Publicidade

Utilidades

Auxílio a lista: 102
Bombeiros: 616-8905
Delegacia Granja Viana: 4702-2822
Delegacia Cotia: 4703-2034
Disque Denúncia: 0800-156315
Polícia Militar: 190

Telefone

(11) 4702-3936

Endereço:
Rodovia Raposo Tavares, km 22,170.
The Square Open Mall
1º andar – Bloco A – Sala 110
Lageadinho – Cotia – SP
CEP 06709-015

Emails

Redação da Revista Circuito
jornalismo@revistacircuito.com

Redação do Circuito Online
online@revistacircuito.com

Departamento Comercial
revistacircuito@revistacircuito.com

Desenvolvido por Sparnet